domingo, 3 de junho de 2012

Dono

O chá gela no fogão, as compras apodrecem no armário, a geladeira perambula sozinha por entre os comodos,
Ruídos de agitação, infâmias, cordéis, povo, cheiro de antigo, tudo escorre da tela televisiva e dá o tom para a casa, vida, o que quer que seja, e dos objetos pergunto:
E o dono?
Que dono?

Nenhum comentário:

Postar um comentário