domingo, 8 de janeiro de 2012

Eu

Não sei botar a mão em copo cheio sem fazer transbordar.

Aprendi a gargalhar com os loucos e a chorar com os depressivos.

Sou efusivo, estonteante, introvertido, falastrão e amigo do silêncio.

Sou dono de uma temperança temperada à intemperança.

Não sei amar coisas mornas, ou entender humores amenos.

Aprendi a entender os errados e ouvir os inconsistentes.

Sou desses que não gostam de provar, e sim se fartar.

Sou um beberrão que toma de uma vez, odeio pequenos goles.

Não sei odiar, até pra isso, exacerbo meus sentimentos.

Aprendi que os poucos que me resvalam, levam um pedaço da minha alma consigo.

Um comentário:

  1. "Não sei odiar, até pra isso, exacerbo meus sentimentos." Falou tudo, rapaz.

    ResponderExcluir