segunda-feira, 12 de julho de 2010

Versos,

Os pequenos versos são inegavelmente os mais belos, não necessitam de palavras complexas e toda essa rebusques dos amargos poetas letrados,

São por si só, vivos, inerentes a quem escreveu-os, pertencentes a todo e qualquer leitor desavisado ou avisado, culto ou inculto, versos que não visam a condição financeira de quem o lê, menos ainda sua ascensão social,

Verso curto, livre de rima

Livre de preconceitos.

Livre de hipocrisias.

Pequeno verso.

3 comentários:

  1. Artur aqui! cara, li muitos de seus textos. Sou de exatas, então entendi menos da metade deles :P mas gostei de tudo que entendi, você sabe bem colocar seus pensamentos em forma de palavras!

    ResponderExcluir
  2. pequeno verso, pequeno comentário
    muito bom seu blog
    Carol

    ResponderExcluir
  3. Vlww Artur, logo logo voltarei a escrever,
    Muito obrigado também Carol,
    Abraços.

    ResponderExcluir